O FESTIVAL

Ao fim de dez anos é tempo de fazer um balanço sobre o Folefest.

Não é fácil retirar conclusões assertivas. Seja como for, o grande objetivo deste evento será sempre, dar a conhecer e promover o acordeão erudito, criando um público através da qualidade apresentada em todos os momentos musicais deste festival.

O Folefest pretende que todos os acordeonistas, professores e alunos participem e se sintam envolvidos neste projeto, sobre o qual temos a convicção que apresenta todas as condições para continuar a ser, um veículo de valorização do instrumento no nosso país.

A presença de músicos de enorme qualidade artística, como intérpretes nos concertos ou como júris do concurso, será uma ideologia sempre a seguir, pois acreditamos que desta forma o acordeão sairá inevitavelmente prestigiado.

Uma das metas atingidas tem sido, sem dúvida, a crescente integração do instrumento no meio artístico. Neste capítulo, a música de câmara, sempre presente no Folefest é um fator determinante para o reconhecimento do acordeão e dos acordeonistas portugueses.

Espero que o Folefest possa continuar a criar novas perspetivas de carreira a todos os seus participantes, desejando o maior sucesso a todos os músicos que nos honraram com a sua valiosa participação ao longo destes dez anos.

 

Paulo Jorge Ferreira
Diretor Artístico do Folefest